terça-feira, 22 de novembro de 2011

Nívea Stelmann



Nívea é atriz. No cinema participou das produções ‘A Última Onda’ e ‘Casamento Brasileiro’. Seu último trabalho na televisão foi na novela ‘Morde e Assopra’, da TV Globo.

O que te faz aceitar participar de uma produção em curta-metragem?
O que me faz participar de uma produção de um longa ou um curta é o roteiro, a direção e a produção.

Por que os curtas não tem espaço em críticas de jornais e atenção da mídia em geral?
Eu acho que tem espaço sim, um espaço bem menor é verdade. Mas quando fiz curtas eles foram divulgados. Talvez, sem hipocrisia ou egocentrismo.Por eu ser uma atriz conhecida conta um pouco na divulgação.

Como deveria ser a exibição de curtas para atrair mais público?
Deveria ser exibido antes dos longas.As pessoas deveriam ir ao cinema sabendo que iam ver um curta e em seguida um longa.

É possível ser um cineasta só de curta-metragem? Vemos que o curta é sempre um trampolim para fazer um longa...
Possível tudo é. Cada um tem sua carreira,sua sorte sei lá. Mas o sonho de todo cineasta é fazer um longa.(de preferência de sucesso, risos). Com certeza é um trampolim e uma escola fazer curtas antes.

O curta-metragem é marginalizado entre os próprios cineastas?
Marginalizado acho uma palavra muito forte. Mas é lógico que deve existir competição, como em todas as áreas.

Pensa em dirigir um curta futuramente?
Não, não é minha praia. Me formei em cinema, mas sempre quis ser atriz.Minha vida é na frente das lentes.

Qual é o seu próximo projeto?
Estarei na próxima novela das 19h da Globo e no Teatro em Janeiro com a peça "Comédia do Amor".

Nenhum comentário: